Arquivo para Orquestra Imperial

#1675 – Criolo + Orquestra Imperial no Ibira

Posted in Evento, Música Brasileira, Rap with tags , on 30 de novembro de 2011 by Ricardo Somera

#DEGRAÇA

#1753 – La Musique de Gainsbourg

Posted in Artes Plásticas, Música Francesa with tags , , , , , , , , on 16 de agosto de 2009 by Ricardo Somera

Não conheço muito da música francesa, a maior proximidade foi com um documentário no GNT sobre a vida da ex-modelo e atual primeira dama da França, Carla Bruni. Já fui em um show do Justice, que fazem música eletrônica com letras em inglês, e também já ouvi a música “Ce Jeu” da Yelle remixada pela baby band Mickey Gang. Fora Justice, Yelle e Carla Bruni acho que nunca escutei nada em francês. Até descobrir quem foi Serge Gainsbourg.

Esse ano é o “Ano da França no Brasil” e vários cantores, atores e artistas em geral estão dando as caras ou sendo homenageados aqui no Brasil. A programação é vasta, mas nada desperta um grande interesse na população em geral, a não ser que Caê a Orquestra Imperial se apresente em francês. JUNTOS!!!
Nos dias 3 e 4 de setembro no SESC Pinheiros Caetano Veloso e a big band com ilustres novos talentos como Talma de Freitas, Kassin e Nina Becker compartilharão e apresentarão um repertório em homenagem ao cantor e compositor francês Serge Gainsbourg, do clássico dos anos 60 “Je t’aime… Moi non plus”.

Lembro que quando era criança meu pai escutava essa música e aqui no Brasil como em boa parte do mundo ela era considerada “pornográfica”. Os gemidos de Jane Birkin que causaram escândalo poderão ser apreciados ao vivo, já que ela estará no palco junto com Caê.
A venda dos ingressos começa às 14 horas do dia 26 de agosto e provavelmente se esgotem antes das 15 horas e custarão de R$10 a R$40.

#1766 – Friendly Fires X Little Joy

Posted in Indie, Rock with tags , , on 20 de julho de 2009 by Ricardo Somera

Agosto é o mês oficial da abertura dos festivais no Brasil. Todo ano o segundo semestre é o mais abarrotado de show e festivais, que fica impo$$ível ir a todos. Duas bandas “gringas” vão passar por São Paulo distutando o dinheiro dos indies de daqui (no Rio tb), Little Joy e Friendly Fires.

O Littel Joy na minha opinião tem tudo a seu favor.

– Volta pela segunda vez ao Brasil esse ano com todos os nove shows da turnê passada esgotados.

– Toca numa casa que cabe mais que 1000 pessoas e mais preparada pra shows (Via Funchal).

– O ingresso pra estudante é mais barato que o do Friendly Fires. Só pra estudante.

– Tem como banda de abertura o The Dead Trees que já acompanhou a banda na tour passada pelos EUA e Europa.

– Toca num sabadão!

O Friendly Fires tem muito a seu favor. Mas poderia ter mais.

– Toca pela primeira vez no Brasil gerando uma expectativa gigante pois é uma das bandas destaques desse ano em festivais como o Glastonbury e Reading.

Paris!

– Apenas 400 pessoas vão poder ver em São Paulo (bom pra quem vê e péssimo pra quem só fica na vontade!).

As desvantagens que o Friendly Fires tem são poucas, mas grandes.

– Toca numa segunda-feira e provávelmente o show acaba depois da meia noite (No bus or metro). Não que isso seja problema aqui pra São Paulo. O problema é pra quem não tem carro ou R$ 50 pra pagar de taxi até em casa.

– Preços de R$ 70 (primeiro lote) e R$ 90 o restante. Não que não tenha gente pra pagar essa grana pra ver a banda tocar, até tem, mas o Studio SP vai ficar lotado igual o último show que fui da Orquestra Imperial, que não tava pra se mexer. Sei lá, mas acho que o Clash é mais apropriado para o Popload GIG.

– Ter o Littel Joy dois dias antes do show!

Adivinha em qual eu vou?

Little Joy

Porto Alegre

Data: 13 de agosto (quinta-feira)

Local:  Bar Opinião

Ingressos: de R$ 48

Rio de Janeiro

Data: 14 de agosto (sexta-feira)

Local: Fundição Progresso

Ingressos: de R$ 60 (estudante ou 1Kg de Alimento ou 1 livro) à R$ 120 (inteira)

São Paulo

Data: 15 de agosto (sábado)

Local: Via Funchal

Ingressos: de R$ 50 (meia / pista) à R$ 180 (inteira / camarote)

Friendly Fires

Rio de Janeiro

Data: 15 (sábado)

Local: Circo Voador

Ingressos: R$ 50 a R$ 60

São Paulo

Data: 17 de agosto (segunda-feira)

Local: Studio SP

Ingressos: Na Amerrican Apparel e Japonique de R$ 70 (primeiro lote) à R$ 90. Não tem meia entrada.

#1851 – Pré-programação da Virada Cultural 2009

Posted in Uncategorized with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 14 de abril de 2009 by Ricardo Somera

Ainda não saiu a programação “super oficial” da Virada Cultura 2009 (2 e 3 de maio), mas tem uma prévia do que vai acontecer.

Ao lado da Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo, o tecladista britânico Jon Lord, ex-Deep Purple, dará início à maratona de shows no palco principal do evento, montado na Avenida São João (que ano passado teve Mutantes e Orquestra Imperial). Outras atrações confirmadas no palco São João são Geraldo Azevedo, Marcelo Camelo, Instituto (BNegão, Thalma de Freitas e Carlos Dafé ) tocando Tim Maia Racional, Tribo de Jah, Cordel do Fogo Encantado (9 da manhã), Zeca Baleiro, Novos Baianos e Maria Rita.

No Teatro Municipal, mais uma vez, reunirá artistas tocando álbuns clássicos na íntegra. Entre eles Arrigo Barnabé vai apresentar seu “Clara Crocodilo” e Tom Zé interpretará o álbum “Grande liquidação”.

O Largo do Arouche continua com a programação brega que ano passado teve Nelson Ned e esse ano tem Benito di Paula, Wando, Reginaldo Rossi, Beto Barbosa,Odair José e Wanderley Cardoso.

O Largo Santa Efigênia que ano passado foi o palco do samba com Quinteto em Branco e Preto esse ano ficou meio “também sou hype sambista” e tem Iara Rennó, Danilo Moraes, Curumin, e um monte de gente desconhecida que depois da virada vão ser residentes do Studio SP (hehehe).

A Praça da República, como no ano passado será o palco rock e apresenta entre muitas atrações as bandas Tutti-Frutti (os que tocavam com a Rita Lee), Velhas Virgens, MQN (que tava no palco indie ano passado), Matanza, Vanguart, CPM 22, Nação Zumbi, entre outros.

O palco que promete ser o mais animado durante as 24 horas é o Rio Branco, que vai contar com a safadeza das bandas tradicionais de samba-rock / samba / gafieira / etc.: Farufyno, Trio Mocotó, Clube do Balanço, Os Opalas, Sambasonics, Gafieira etc e tal, Gafieira São Paulo e Havana Brasil.

Amanhã sai a programação completa com mais detalhes e com os estabelecimentos que vão aderir a balada 24 horas. Vai ter também um placo Toca Raul que se possível não vou nem passar perto.

fonte: G1

#1916 – Rumos convida Móveis (DF), Cidadão (CE) e Pata de Elefante (RS)

Posted in Experimental, Folk, Groove, Indie, Instrumental, Latina, Música Brasileira, Pop, Reggae, Rock with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , on 2 de março de 2009 by Ricardo Somera

A partir de quarta-feira (4) o projeto Rumos, do Itaú Cultural, convida algumas bandas de destaque para shows gratuitos no número 149 da Av. Paulista. Os ingressos são distribuidos com meia hora de antecedência, mas é necessário chegar uma hora antes (dependendo do show e do dia).

quarta 4 de março

20h show de lançamento do CD Violas de Bronze, com Siba (PE) e Roberto Corrêa (DF), participação de Paulo Freire (SP)
Representantes de gerações inovadoras da música brasileira, o rabequeiro Siba e o violeiro Roberto Corrêa são parceiros neste disco. Eles convidam o também violeiro Paulo Freire para celebrar o lançamento do CD.

quinta 5 de março


20h Móveis Coloniais de Acaju (DF) recebe Bocato (SP)
O grupo Móveis Coloniais de Acaju convida o trompetista Bocato para uma noite de rock e ska. Os brasilienses e o músico paulista brindam o público com criações próprias e releituras de clássicos brasileiros.

sexta 6 de março

20h Cabruêra (PB) recebe Bnegão (RJ)
O grupo paraibano Cabruêra, com seus timbres pops e regionais, recebe o rapper carioca Bnegão, ex-vocalista do Planet Hemp e integrante de Os Seletores de Frequência e do Turbo Trio. No repertório, músicas dos três primeiros discos da banda e canções como V.V. (BNegão e Os Seletores) e Sorriso Aberto (Guará).

sábado 7 de março


20h Cidadão Instigado (CE) recebe Rodrigo Amarante e Karine Carvalho (RJ)
A mistura de jazz, repente, blues, drum’n’bass, samba e maracatu dos cearenses do Cidadão Instigado se encontra com a sonoridade de Rodrigo Amarante, ex-Los Hermanos e integrante dos grupos Orquestra Imperial e Little Joy, e da atriz e cantora Karine Carvalho.

domingo 8 de março

20h Pata de Elefante (RS) recebe Macaco Bong (MT)
Pata de Elefante encerra os shows com seu rock instrumental e repertório que inclui Um Olho no Fósforo, Outro na Fagulha; e Marta e Hey. Outro trio de rock instrumental acompanha o grupo gaúcho: o Macaco Bong, banda mato-grossense cujo CD de estreia, Artista Igual Pedreiro, foi considerado o Melhor Disco Nacional de 2008 pela revista Rolling Stone.

Itaú Cultural – Sala Itaú Cultural | Avenida Paulista 149 – Paraíso – São Paulo SP (próximo à estação Brigadeiro do metrô)
informações 11 2168 1777 | atendimento@itaucultural.org.br

#1977 – Carnaval Só Ano Que Vem (2007) – Orquestra Imperial

Posted in Música Brasileira, Samba with tags , , , , , on 4 de dezembro de 2008 by Ricardo Somera

Uma das minhas bandas preferidas conseguiu fazer um CD muito bom ano passado e o pior show (nacional) que fui esse ano. Dia 14 de novembro, meu aniversário, fui comemorar no Studio SP (Rua Augusta) e não gostei do que vi e ouvi. Primeiro: na hora o ingresso estava 35 reais e uma fila gigante na porta do SSP. Segundo: O lugar estava lotadaço, muita gente pra fora e não era possível dançar. Terceiro: O que eram aquelas músicas? Cadê os sambas clássicos? E as músicas do CD? Eu fiquei apenas uns 40 minutos dentro do lugar e queria (e fui) embora. Muito apertado, tinha que dançar encolhido como se tivesse dentro do metrô Sé às 6 da tarde, eles tocaram no começo uma músicas muito paradas que fez muita gente dispersar e desencanar de vez.

Quarto: Rodrigo Amarante! O ex-Hermano não é apenas mais um integrante da banda, ele faz diferença, faz animar o “carnaval só ano que vem” e fez muita falta naquela noite. Já tinha visto um show da Orquestra sem o Amarante e um com o barbudo. Sem dúvidas o segundo foi bem melhor (sem contar que foi ao ar livre, de graça, na Virada Cultural). Mas se quer ver e ouvir o Amarante tem Little Joy em janeiro (mês que vem).

orquestraimperial

O CD é uma “magavilha”. Mesmo sendo um álbum de inéditas quando escutei nas primeiras vezes me pareceu várias regravações já que a musicalidade da banda bebe muito dos sambas canção e marchinhas. Ereção e Não Foi em Vão são minhas músicas preferidas. A voz de Nina Becker e Talma de Freitas são tão indispensáveis para a banda como do ruivo. 

Seleção de talento !!!!

MySpace da Orquestra Imperial

Site Oficial da Orquestra

Ah, baixa aqui! Pq carnaval, só ano que vem

#1980 – A Arte do Barulho (2008) – Marcelo D2

Posted in Funk Carioca, Rap, Samba with tags , , , , , , , , , , , on 26 de novembro de 2008 by Ricardo Somera

Hoje saiu o último álbum do rapper Marcelo D2 (ex-Planet Hemp), A Arte do Barulho.

41_245-barulho

 

D2 acertou em quase todos os trabalhos na carreira solo, mas o CD anterior “Meu Samba É Assim” teve uma queda em musicalidade e conteúdo, caiu no papo do pop. Em menos de um dia após o lançamento do CD “A Arte do Barulho” eu consegui baixar por aí (Discografia – Orkut) o novo CD do D2 e já tinham quase mil downloads.  

A faixa “Desabafo” já chegou como hit há um mês quando D2 deu uma prévia no VMB. A mistura do samba/funk/rap continua sendo marca registrada do artista e funciona na pista e nas rádios. A maconha volta ao novo CD com um certo destaque na música “Kush” parceria com o rapper californiano Metaphor. D2 chega a puxar o funk carioca em “Meu Tambor”, mas não me agradou, achei fraco, faltou o pancadão. A participação de Roberta Sá me confundiu um pouco. A letra é boa, mas não deu liga, ou melhor, não “ornou”. Acho que Seu Jorge em “Pode Acreditar” acrescentou mais. Roberta tem mais a cara do Curumin (que D2 fez cover com Lenine no projeto Estúdio Coca-Cola). Há outras participações como Talma de Freitas (Orquestra Imperial), Marcos Valle (Jongo da Serrinha), Stephan (filho de D2) e Mariana Aydar.

Há uma brincadeira com o hit do YouTube “A Gaga de Ilhéus” ( indicado na categoria web hit no VMB 2008 ) na faixa “Vem Comigo que eu te Levo pro Céu”. Escutei pouco o desabafo do rapper sambista, mas já digo que fez um trabalho bom, mas deveria brincar ainda mais com o samba!

MySpace do Marcelo D2

Quer escutar? Baixe aqui!