Arquivo para Glasvegas

#1725 – Os melhores de 2009

Posted in Música Brasileira, New Rave, Pop, Rock with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 18 de dezembro de 2009 by Ricardo Somera

Chega o final do ano e todo mundo começa a fazer duas listinhas: as das promessas e dos “melhores de 2009”. Eu como não prometo nada pra mim mesmo porque sei que não vou cumprir faço minha lista dos melhores do ano (da década?). Música, filme, viral, show, álbum, festival, vou tentar lembrar o que vi e achei legal nesse ano que encerará nossa década.

Internacional

Melhor Àlbum

Escutei muita coisa gringa de qualidade em 2009. Beirut, Arctic Monkeys, Phoenix, Albert Hammond Jr., etc. mas nada superou …

TONIGHT - Franz Ferdinand

Pra quem conhece pelo menos um pouquinho da banda escocesa Franz Ferdinand sabe que eles não ficaram parados em Take Me Out, o hit de 2004. Nesse terceiro álbum a banda voltou muito mais dançante e com uma pegada de festa, balada pra dançar separado (e muito louco!). Pra quem não está muito nesse pique agitado pode curtir o “Blood:Tonight” a versão dub do álbum mixado por Dan Carey. Não tem como não gostar!

Melhor show do ano

Ting Tings – as bases eram pré-gravadas, o Iggy Pop tava disputando a atenção no outro palco, tinha pouca gente, mas sem dúvida o set foi o mais animado do Terra 2009!

Melhor show que perdi

Friendly Fires – Um único álbum, recheado de hits, 300 convites a preços bem salgados e um arrependimento pra deixar em 2009. Mesmo sem ter ido ao show acho que foi o mais foda desse ano em São Paulo.

Nacional

Melhor Álbum

Depois de elogiar o super álbum do Franz Ferdinand quem lê espera um puta álbum de rock nacional. Mas como vou elogiar, indicar e falar sobre música brasileira prefiro esquecer a palavra rock por alguns minutos. O álbum nacional que escolhi como o que mais me tocou esse ano foi o “Encanteria” da Maria Bethânia.

Juro que até eu fico surpreso com esse meu gosto meio hiponga macumbeiro. Música brasileira pra mim tem que ter batuque e fazer o povo sentir vontade de dançar. E isso o álbum “Encanteria” faz com maestria. Sambinha bom, com letras pra “vadiar pelo salão”. “Feita na Bahia”, “Encanteria” e “Saudade Dela” com Gil e Caê são tão gostosas de ouvir que fico fazendo promessas para 2010: ser menos preconceituoso com a NOSSA música.

Melhor show do ano

Instituto Racional – Meio da madrugada, centro de São Paulo, milhões de pessoas nas ruas. Pra mim o coletivo Instituto não fez apenas o melhor show da Virada Cultural, mas o melhor show nacional da cidade em 2009. Pra quem gosta de Tim Maia na sua fase mais “mística” e conhece os clássicos álbuns “Racional – Vol. I e II” pirou com BNegão, Talma de Freitas, Ganjaman. Que venha 2010!

O MELHOR SHOW QUE PERDI

***

Ah, melhor filme é esse aqui, o viral do ano é esse, e o festival do ano sem dúvida é esse!

#1741 – Sonic Youth e Patrick Wolf no PTF09 e … HOLGER no Pop Montreal

Posted in Glam Rock, Indie, New Rave, Pop, Rock with tags , , , , , , , on 9 de setembro de 2009 by Ricardo Somera

Não fico nada animado com o Sonic Youth tocar por aqui (São Paulo). Primeiro: acho a banda uma bosta! Segundo: reduz o número de bandas que realmente quero que toque no festival (Glasvegas, Kings of Leon e Vampire Weekend). Terceiro: os fãs do Sonic Youth.
Juro que sem conhecer uma música desse tal de Patrick Wolf achei interessante conhecer esse multinstrumentista, acho que vai dar o que falar!
Olha isso:

PS: Parece o Johnny Luxo! Hahahaha.

****
Já entre as bandas nacionais ainda há CINCO vagas. Quem acha que a banda de baixo não merece?

Os caras do Holger estão indo se apresentar no Pop Montreal (que também terá Mutantes e Matt and Kim) e fazem a última apresentação por aqui no próximo dia 22, no Tapas Club. É uma boa pedida pra quem não mora láááá em Santo Amaro.

#1748 – Planeta Terra confirma Primal Scream e Ting Tings

Posted in Eletrônica, Evento, Indie, Instrumental, New Rave, Pop, Rock with tags , , , , , , , , , , , , , on 30 de agosto de 2009 by Ricardo Somera

Aos poucos o line up do festival Planeta Terra, que acontece dia 7 de novembro, no Playcenter, começa a se formar. Na última semana foram anunciadas algumas das atrações.

Entre os gringos Primal Scream (Escócia) e Ting Tings (Inglaterra), do hit que tocou até em novela “That´s Not My Name“. Entre a galera local estão os brasilienses do Móveis Coloniais de Acaju, os matogrossense do Macaco Bong, os curitibocas do Copacabana Club e N.A.S.A (North America, South America), projeto do brasileiro Zé Gonzales (ex-Planet Hemp) com o americano Squeak E. Clean (irmão do Spike Jonze). Agora só faltam mais 8 bandas gringas e seis nacionais. Minhas sugestões são Crystal Castles, Glasvegas, Boss in Drama, Passion Pit, Natalie´s Portman Shaved Head, Holger e a nova banda Them Crooked Vultures.

#1773 – FitaK7, Joy “Killers” Division e o 1º dia do FestivAlma 2009

Posted in Uncategorized with tags , , , , , , , , , , on 6 de julho de 2009 by Ricardo Somera

Estava abalado com a morte do Michael Jackson e não teve ânimo pra ir até o Reino Unido ver Passion Pit, Glasvegas e o Blur tocar no Glastonbury? Relaxa, dá pra baixar o show dos caras no blog (brazuca!) fitaK7. Tem também Doves, Franz Ferdinand, entre outras atrações. Baixa lá!

*****

Depois de Cindy Lauper e Dire Straits….JOY DIVISION

*****

A sexta edição do FestivAlma aconteceu no último fim de semana em São Paulo e me surpreendeu. No primeiro dia o Pavilhão da Bienal estava lotado e a primeira apresentação foi do havaiano Jake Shimabukuro. O “japa” é extremamente carismático e parecia muito feliz por estar no Brasil. Interagiu bastante com a platéia, ministrou aquela viola havaina com propriedade e no final ainda deu uma palhinha de “Thriller”. Mas o grande destaque da noite (do festival?) foi a banda australiana The Beautiful Girls. O lugar do show em cinco minutos dobrou de expectadores. Eu não sabia, mas realmente eles eram a grande atração dessa edição. Tocaram um hit (para os fãs) atrás do outro e todo mundo estava cantando junto. Ouvi umas meninas comentando: “Nem acredito que estou no show do TBG”. Os pontos altos do show foram “Blackbird”, “In Love” e “Periscopes”. Greeeeeat!

pontos negativos da primeira noite:

– A cerveja tava sendo vendida por “cambistas” do Piola por R$ 5.

– Lugar pequeno para um show do nível do TBG.

– Área de exposição restrita apenas para convidados.

#1846 – Hoje começa uma festinha no deserto…

Posted in Evento, Indie, New Rave, Pop, Rock with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , on 17 de abril de 2009 by Ricardo Somera

Hoje começa um dos grandes festivais americanos de rock / eletro / pop, o Coachella. Quem tem sorte tá lá!

E aqui no Brasil  a gente torce pra ter um line desses algum dia…

#1854 – Glasvegas – Glasvegas (2008)

Posted in Indie, Pop, Rock with tags on 11 de abril de 2009 by Ricardo Somera

Se tá atrás de um som de uma uma banda nova, legal pra caralho e que vai dar (mais) o que falar? GLASVEGAS!

  1. Flowers and Football Tops
  2. Geraldine
  3. It’s my Own Cheating Heart that Makes me Cry
  4. Lonesome Swan
  5. Go Square Go
  6. Polmont on my Mind
  7. Daddy’s Gone
  8. Stabbed
  9. S.A.D. Light
  10. Ice Cream Van

 

O link pra baixar tá aqui – Glasvegas – Glasvegas.

fonte: Glamorous Indie Rock´ns Roll

#1855 – The Kooks confirma show em São Paulo

Posted in Indie, Rock with tags , , , , , , , on 10 de abril de 2009 by Ricardo Somera

Já ouviu falar da banda inglesa The Kooks? Eu já tinha escutado eles cantando algum cover, mas nem lembro exatamente o que. O site da banda confirmou essa semana uma apresentação deles em São Paulo (Via Funchal). Achei estranho uma banda pouco conhecida ter marcado um show “meio do nada” no Brasil, mas até poderia ser uma boa notícia se…

1) …o ingresso mais barato não fosse de R$ 70 (meia) – vendas a partir do dia 14 de abril;

2) …o lugar escolhido não fosse o Via Funchal;

3) …não fosse um show solo.

Vou começar meus argumentos por uma banda pequena com público restrito no Brasil: Little Joy. O valor do ingresso em janeiro desse ano pra ver um “hemano”, um “stroke” e uma loirinha linda com uma voz suave foi de R$ 60 pra todo mundo, sem a palhaçada de meia entrada e talz (não que eu não quisesse pagar metade de um ingresso, só não acho justo os outros pagarem o dobro). Mas beleza! Escolheram um espaço pra mais ou menos 500 pessoas (Clash Club). Foram necessários três shows (todos ESGOTADOS!) pra “satisfazer” os paulistanos. Em Curitiba os ingressos também se esgotaram pelo que fiquei sabendo.

Agora vamos pensar no The Kooks. Eles não são nem um pouco conhecidos no Brasil. Depois de saber do show baixei o primeiro álbum (e achei DEMAIS!) e são do nível do Little Joy. Aí escolhem um lugar com capacidade pra 4 MIL pessoas e cobrando de R$ 140 a R$ 200 no ingresso? Querem um lugar vazio ou o que? Com esses valores vão conseguir 1000 pagantes no máximo (máááximo!). O que eu acho que daria pra fazer: Chama mais um ou duas bandas indies tipo Vampire Weekend, Glasvegas (muito?) ou Foals e coloca o ingresso R$ 100 inteira. Acho mais interessante juntar 2 mil pessoas pagando R$50 (meia) do que mil pessoas pagando R$ 70 (meia|).

Só de pensar que o Planeta Terra ano passado tava mais barato e tinha umas 10 atrações (Kaiser Chiefs, The Breaders, Jesus and Mery Chain) me dá uma sensação de que realmente estamos em crise.