#1918 – Milk – A Voz da Igualdade (Milk, 2008)

Esta cinebiografia de Harvey Milk, primeiro homossexual assumido a ocupar um cargo público importante nos EUA, Milk – A Voz da Igualdade (Gus van Sant) vai na linha de “O Povo Contra Larry Flint” (Milos Forman) e é o melhor filme que ví nesse período Oscar pelo elenco, roteito e pelo filme em si que mistura imagens reais (da época) com as da ficção.

O elenco basicamente de homens tem Diego Luna (E Sua Mãe Também), James Franco (Homem Aranha), Emile Hirsch (Na Natureza Selvagem) e claro, Sean Penn (Sobre Meninos e Lobos).

“Acho que é hora de vocês, que votaram pela proibição do casamento gay, sentarem e refletirem, pensando em sua enorme vergonha e na vergonha dos seus netos, caso continuem assim.” Sean Penn durante o discurso que  o premiou com o Oscar de Melhor Ator (2008)

Quem está disposto a ser o Milk da legalização do aborto no Brasil? Da discriminalização da maconha no mundo? Da maior liberdade dos povos?

Anúncios

Uma resposta to “#1918 – Milk – A Voz da Igualdade (Milk, 2008)”

  1. pois é, precisamos de um “milk”, não?
    eu achei o filme fantástico, fiquei muito emocionada. foda!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: